Blog do Waldemar

MARANHÃO: Governo do Estado apresenta modelo pedagógico da escola de tempo integral para o próximo ano

Com o intuito de apresentar o modelo pedagógico da escola de tempo integral à comunidade escolar e implantar novos Centros Educa Mais no Maranhão, o Governo do Estado realizou, entre os dias 8 e 11 de outubro, uma série de audiências públicas, envolvendo os municípios de São Luís, Rosário, Bacabal e Dom Pedro, com ampla participação de pais, estudantes, professores e gestores.
Em 2020 serão implantados mais 10 centros de educação em tempo integral no Maranhão, totalizando 46 centros Educa Mais no Estado, voltados para a formação cidadã, exercício do protagonismo juvenil e fortalecimento da construção dos projetos de vida dos estudantes.
Rosyjane Paula, assessora especial do Gabinete da Secretaria de Estado da Educação, afirmou que as audiências públicas dão oportunidades para que as pessoas conheçam o modelo pedagógico da educação de tempo integral e considera essa modalidade de ensino como ferramenta importante para consolidar uma educação de qualidade no Maranhão.
“Saímos muito fortalecidos dessas audiências, onde tivemos a participação de professores, pais, estudantes, gestores escolares e de funcionários. Eles tiveram a oportunidade de conhecer um pouco mais do que é essa realidade da escola de tempo integral, fizeram seus questionamentos, tiraram suas dúvidas e saíram daqui certos de que esse modelo de educação é o melhor modelo para transformar a vida dos estudantes. Então, viva os Centros Educa Mais! Viva os estudantes do Maranhão!”, comemorou.
“Nós conversamos com pais, alunos, professores, gestores para promover os Centros Educa Mais. Queremos que os alunos venham estudar conosco para que nós possamos dar um crescimento na educação e promover  melhores condições de estudo para todos os alunos e professores das escolas do estado do Maranhão. A minha avaliação é que as audiências foram muito boas, foram positivas”, expressou o secretário Adjunto de Educação Profissional e Rede Integral da Seduc, André Bello.
O novo modelo de educação será implantado gradativamente. No primeiro momento, abrirão turmas somente do 1º ano. Os alunos do 2º e 3º anos continuarão estudando na mesma escola, na modalidade parcial, e ao longo de três anos, as escolas se tornarão Centros Educa Mais, com educação integral na sua totalidade.
Em São Luís, as escolas contempladas com o novo modelo pedagógico e de gestão e que a partir do ano que vem se transformarão em Centros Educa Mais serão os Centros de Ensino Professor Inácio Rangel, Paulo VI e Sousândrade.
Patrícia Cláudia Barbosa, mãe da estudante Thayllane, não se conteve de emoção ao saber que o CE Professor Ignácio Rangel será um Centro Educa Mais no próximo ano e destacou a importância desse momento para a vida da filha.
“Passar sete, oito horas dentro da escola será muito bom. Eu me emociono muito porque a gente vê tantos jovens sofrendo na rua, a mãe não dá conta. A escola ganhou um presente, eu agradeço a Deus porque vai proporcionar um futuro melhor para a minha filha e para os filhos de outras mães. Agradeço a professora Rosária e agradeço ao governador, que tem pensando em cada degrauzinho de crescimento dos nossos jovens, obrigada”, afirmou emocionada.
“O Centro de Ensino Professor Ignácio Rangel agora será uma escola de tempo integral. O Centro Educa Mais será um diferencial em nossas vidas. Eu só tenho a agradecer a Deus, o grande arquiteto do universo, ao governador e ao secretário de Educação que olharam para a nossa escola com muito carinho. Obrigada”, expressou a gestora geral Rosária Meireles.
Na cidade de Rosário, a comunidade escolar do Centro de Ensino Raimundo João Saldanha comemorou a chegada da primeira escola de tempo integral da regional. A moradora Lucinéia dos Santos Vale agradeceu ao governo pela iniciativa. “Eu quero agradecer pela ação do Governo do Estado. Agora, os nossos filhos terão a oportunidade de estudar em uma escola de tempo integral que nós pais não tivemos. Eu deixo aqui a minha satisfação porque a minha filha terá a chance de frequentar uma escola desse patamar, é uma oportunidade única para nós que moramos aqui em Rosário. Obrigada”, comemorou.
Os moradores de Bacabal também comemoraram a chegada de um Centro Educa Mais a sua cidade. A moradora Lenilda Reis de Sousa expressou a sua satisfação pela implantação de uma escola de tempo integral em seu município.
“A mãe e o pai que trabalham fora ficarão despreocupados, pois saberão onde os seus filhos estarão. Não irão se preocupar com alimentação, os pais saberão que a escola terá profissionais qualificados que ajudarão na educação de nossos filhos e isso é maravilhoso. É um projeto de suma importância, é um sonho nosso ter esse projeto na cidade de Bacabal. Eu quero agradecer ao governo que deu essa oportunidade a nós mães e pais bacabalenses”, externou.
Em Dom Pedro, a comunidade escolar do Centro de Ensino Ana Isabel Tavares está otimista com a transformação da escola em um Centro Educa Mais. O professor de Química, Airton Júnior acredita que a escola terá ainda mais condições de realizar serviços de excelência à comunidade ao oferecer um modelo pedagógico de educação em tempo integral.
“É muito bom para o município de Dom Pedro, um ganho imensurável para comunidade ter uma escola de tempo integral. Então, eu não tenho dúvidas de que essa ação do Governo do Estado vai surtir efeitos muito positivos nos índices educacionais do Estado do Maranhão. Os estudantes terão melhor formação acadêmica e pessoal e, com certeza, vão ter mais chances de obter êxito no Enem, vestibulares e concursos que ele venha a fazer, após concluir o Ensino Médio”, considerou o professor.
O CE Ana Isabel Tavares realiza excelentes trabalhos em prol da educação de seus estudantes. A escola recebeu o prêmio Mais Ideb em 2018, este ano, por duas vezes, ficou em primeiro lugar na URE de Presidente Dutra. Os estudantes já ganharam, por três anos, o concurso Jovem Senador. O Ideb da escola é 5.0 e no Maranhão está em 5º lugar, perdendo apenas para 4 escolas militares.
“Se hoje o CE Ana Isabel Tavares já vinha fazendo um trabalho diferenciado, com essa nova modalidade de ensino eu digo, com toda certeza, para os pais de família e alunos, que iremos melhorar a qualidade de ensino para os alunos de Dom Pedro. A nossa equipe fará o possível e o impossível nessa nova empreitada que se inicia”, elogiou a gestora geral, Rivânia Dias Falcão.
Para o supervisor dos Centros Educa Mais, Moisés Dias Sá, a implementação da educação em tempo integral nas escolas representa avanços significativos para a educação do Maranhão.
“O resultado da escola de tempo integral é inegável. O sucesso já começou a ser observado nessas audiências e a comunidade escolar com um todo, tanto pais, alunos, professores e gestores estão muito ansiosos pela implantação das escolas em seus municípios e sem nenhuma dúvida, aquilo que tem sido experimentado já nos nossos 36 centros, levando educação de qualidade para os estudantes, será experimentado em todos os outros centros de forma exitosa”, declarou Moisés Dias Sá.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *