Blog do Waldemar Ter

O “mimimi” do advogado de Roberto Rocha por causa de jantar entre Flávio Dino e Lula

O jornal O Estado do Maranhão usou o advogado Abdon Marinho, ligado ao senador Roberto Rocha (PSB), para sustentar mais um factoide com a intenção de desqualificar o encontro entre o ex-presidente Lula (PT) e o governador Flávio Dino (PCdoB) em São Luís, neste início de semana. Até mesmo jantar oferecido no Palácio dos Leões ao petista virou motivo para a oligarquia acusar o comunista de improbidade administrativa. Mais uma estratégia desastrosa para atacar a dupla de aliados.

Ontem à noite (04), Flávio Dino recebeu Lula e outros aliados para uma reunião política. Assim como uma pessoa normal recebe uma visita, o governador ofereceu jantar com as honrarias necessárias a qual o ex-chefe de estado merece ter.

A iniciativa respeitosa do governador foi motivo para uma séria de ataques da oposição e o advogado Abdon Marinho assumiu esse papel de bode expiatório. Para quem não sabe, Abdon é amigo do senador Roberto Rocha e foi responsável pela sua defesa no processo de cassação movido pelo ex-candidato ao Senado, Gastão Vieira (Pros), que questionou a conduta do socialista durante a campanha eleitoral em 2014.

Com palavras repletas de cunho político e sem qualquer imparcialidade, Abdon Marinho chamou Lula de “condenado pela Justiça”. Como especialista na área do Direito, o advogado ignorou a possibilidade de o petista ser absolvido em segunda instância.

Recentemente, o ex-governador Ciro Gomes (PDT) veio até São Luís, também participou de jantar com o governador Flávio Dino e o Sistema Mirante não fez qualquer tipo de crítica. Ou seja, o factoide é apenas ciumeira porque a oposição sabe da popularidade de Lula no Maranhão.

 

 

 

3 comentários sobre “O “mimimi” do advogado de Roberto Rocha por causa de jantar entre Flávio Dino e Lula

  1. Americo de Sousa Azevedo

    O ADVOGADO DEVERIA APROVEITAR O DINHEIRO, QUE ESTÁ GANHANDO DE ROBERTO ROCHA, E FAZER UMA CIRURGIA PARA DIMINUIR SEU NARIZ DE PINÓQUIO.

  2. Welger Freire

    Na verdade, Abdon Marinho não fez matéria para o jornal ‘O Estado do Maranhão”. Abdon escreveu um texto e publicou no seu blog (www.abdonmarinho.com), no dia 03/09, e não sabia que o jornal ira republicá-lo ou comentá-lo. A intenção foi apenas alertar para as ilegalidades que estavam por vir e que assim mesmo se consumaram, de forma ainda mais grave, com transmissão ao vivo.
    Qualquer pessoa é capaz de entender que Lula está fazendo campanha antecipada, de forma ilegal, com o que não devia compactuar o Governador. Não se tratou de simples ato político, e sim de campanha.
    Inclusive, o próprio Governador disse no seu discurso que Lula é o melhor candidato.
    Acontece que o Governo do Flávio Dino virou uma seita de apaixonados, melindrosos, que não enxergam nada além daquilo que consomem internamente. Um bando de puxa sacos, cegos de paixão, que nada veem além dos seus interesses pessoais, mesmo que em prejuízo do próprio governador e da coletividade.

Deixe uma resposta