Blog do Waldemar Ter

Escorraçado do PSB, Roberto Racha volta ao PSDB pela porta dos fundos

Expulso sumariamente do PSB por lideranças locais e nacionais sob a acusação de trair os interesses do partido, o senador Roberto Rocha, autointitulado “o Asa de Avião”, botou o rabo entre as pernas e se viu obrigado a retornar ao PSDB, de onde também saiu escorraçado após romper com o ex-prefeito de São Luís, João Castelo, em 2011.

Conhecido por sua postura animosa e desagregadora, Rocha é visto por tucanos locais como um estranho no ninho, um persona non grata que trás consigo a discórdia para dentro da legenda. Sua entrada no PSDB é o estopim de uma crise sem precedentes na história do tucanato maranhense, comandada atualmente pelo vice-governador Carlos Brandão, aliado leal do governador Flávio Dino (PCdoB) e candidato natural à reeleição.

O diretório estadual promete reagir à filiação do senador eleito por Dino. Se Roberto insistir na obsessão por desafiar o governador na eleição do ano que vem, enfrentará a resistência do vice-governador e de tucanos do bico largo como o secretário Neto Evangelista, o prefeito Luís Fernando Silva e o suplente de senador Pinto da Itamaraty, além de dezenas de prefeitos aliados do Palácio dos Leões, o que deve desembocar no esvaziamento da sigla para as eleições de 2018.

3 comentários sobre “Escorraçado do PSB, Roberto Racha volta ao PSDB pela porta dos fundos

Deixe uma resposta