Blog do Waldemar Ter

CODÓ AFUNDADO: Pedro Belo diz que município precisa voltar a gerar empregos e reconquistar liderança regional

Em sua página no Facebook, Pedro Belo publicou uma Nota na qual apresenta um estudo de viabilidade produtiva e comercial para a utilização das reservas nativas de coco babaçu como meio capaz de ampliar a oferta de emprego e renda.
Segundo a nota, o município de Codó “deve voltar a ocupar seu lugar de destaque a nível regional”, pois perdeu espaço em alguns segmentos da indústria, do agronegócio e do comércio. Na sua análise, Pedro também afirma que “com a falta de investimento contínuos na produção agrícola, restou para o trabalhador o êxodo rural, o que trouxe famílias inteiras para a cidade, que sem a estrutura adequada, passou a sofrer a décadas com a falta de recursos básicos.”
A nota detalha a relação entre investimentos no setor agrícola e o crescimento dos municípios. Faz ainda um destaque para um estudo do Ministério da Agricultura, o qual aponta que a solução para geração de emprego e renda não esta na cidade, e sim na zona rural, onde a produção agrícola ou até mesmo o extrativismo podem apresentar boas soluções.
Pedro Belo configura-se como grande conhecedor da zona rural de Codó ao afirmar que foi criado no interior e cita o babaçu como grande riqueza ambiental, disse ainda. “Aprendi a valorizar esta grande riqueza natural e nunca aceitei o fato da cadeia produtiva do extrativismo do babaçu não se constituir como uma politica municipal ou de estado capaz de ofertar incentivos para ampliar a produção que combine as atividades extrativistas com a manufatura industrial o que poderá alavancar a produção, o emprego e a renda”.
A nota é fundamentada em alguns estudos técnicos e se inspira em uma experiência de produção exitosa já existente no povoado Monte Cristo, em Codó. Por final, Pedro Belo realça a necessidade de proteger o meio ambiente. “Nosso município tem a oportunidade de evoluir de forma significativa protegendo o meio ambiente e aproveitando-se do seu rico potencial produtivo agrícola e que a natureza nos oferta em grande quantidade: O babaçu – o que é para mim uma riqueza inesgotável”.

 

Vale a pena ler na íntegra:
NOTA DE PEDRO BELO NO DIA DO MEIO AMBIENTE

Deixe uma resposta